Consultoria em Controladoria

A Controladoria tem como missão zelar pela continuidade das organizações e objetiva suprir as necessidades de informações aos gerentes, controlando os diversos setores da empresa por meio do planejamento, organização, execução e controle. Dentre deste foco, prestamos consultoria/assessoria na implantação de diversas ferramentas:

Orçamento Empresarial:

 O controle orçamentário cria condições e instrumentos para:

a)      Determinar e expressar, formalmente e por escrito, as expectativas, os objetivos e os planos da empresa.

b)      Coordenar os diferentes fatores produtivos e administrativos da empresa subordinados à Consecução do objetivo comum.

c)       Criar padrões de comparação que permitam a correta avaliação de desempenho de cada área da empresa.

 

Neste processo, aplicamos: 

1-        Estruturação da Área de Planejamento e Controle;

2-        Implantação do Sistema Orçamentário;

3-        Treinamento e Preparação da Cultura Empresarial para utilizar ferramentas de Planejamento;

4-        Criação e desenvolvimento de Controles Orçamentários;

5-        Projeção de Resultados a Curto e Longo Prazo;

6-        Projeção de necessidades/aplicações de Caixa através do Orçamento de Caixa;

7-        Avaliação Econômico-financeira;

    

Formação de Preço:

A formação de preços é muito mais do que o simples processo de acumular custos e acrescentar uma margem de lucro. Com muita frequência, a formação de preços é tratada de forma simplista, sendo o maior cuidado não deixar escapar nenhum item do custo. A fixação de preços é uma decisão de suma importância para a administração, por ser o fator primordial de sobrevivência, lucratividade e posicionamento da empresa no mercado, já que a sua correta definição permitirá a manutenção e o crescimento autossustentado.

1-       A formação, determinação e política do Preço de Venda;

2-       A definição de táticas de preços X Mercado Concorrente;

3-       A definição de táticas de preços X Vendas X Marketing;

4-       A definição de Preços para mercado interno e externo;

 

Ambiente de Gestão/Indicadores de Desempenho:

A sobrevivência de uma organização empresarial depende, basicamente, de sua capacidade de agregar valor para as partes interessadas – Clientes, Proprietários/Acionistas, Colaboradores, Fornecedores e Sociedade.

A organização precisa mais do que nunca acompanhar as constantes alterações no seu ambiente, identificando as ameaças existentes, sem deixar de buscar novas oportunidades de crescimento. Ou seja, manter os diferenciais competitivos no nicho de mercado em que atua.

Os processos da Gestão Empresarial visam organização da rotina, definição de objetivos e metas, planejamento e execução das estratégias, redução de custos, prestação de contas em relação às metas traçadas e desenvolvimento das lideranças.
A implantação de um modelo de gestão é baseada nos oito princípios:

  • Foco no cliente
  • Envolvimento das pessoas
  • Abordagem por processo
  • Abordagem sistêmica para gestão
  • Melhoria continua
  • Abordagem factual para tomada de decisões
  • Benefício mutuo na relação com fornecedores

 Muitas empresas não tem dado a devida atenção aos princípios da Gestão e com isso tem sofrido as consequências e muitas vezes não conseguem reverter os resultados negativos. Isso acontece porque muitos proprietários ou gerentes são os que chamamos de excelentes técnicos, entendem muito bem dos seus produtos e serviços, porém falta o conhecimento gerencial para gerir o seu negócio e gerenciar pessoas.